Kar Kar nos emociona de novo!

Publicado: 6 de fevereiro de 2015 por stephanie100africa em Mali
Tags:, , , ,

Boubacar-Traore-ip
Boubacar Traoré, o bluesman malinês, esta de volta com um novo álbum, Mbalimaou, corealizado com seu compatriota Ballaké Sissoko, grande virtuoso da Kora. Nesse novo disco, Boubacar Traoré revisita o titulo Mariama, um dos seus grandes sucessos nos anos 60, que ele “moderniza” acrescentando ao som da sua guitarra outros instrumentos como a kora ou a kalebasse.
A canção, canto antigo da região de Kayes, sua região de nascimento, era na origem a canção de um passarinho que avisa a linda e amada Mariama da morte da sua mãe.
Nascido em 1942 em Kayes, no Mali ocidental, numa família nobre, Boubacar Traoré se destinava a uma brilhante carreira no futebol, mas um acidente deu um ponto final a essa expectativa no fim dos anos 50. Dessa primeira fase da sua vida sobrou seu apelido: Kar Kar.
No inicio dos anos 60, Kar Kar se torna uma grande voz da independência, com musicas como Mali Twist, Mariama, Djarabi, etc… Os malineses acordavam todo dia ao som da sua voz melancólica que cantava na radio a independência recém-conquistada do Mali. Boubacar Traoré canta a independência, elogia sua nação e seu presidente, Modibo Keïta, e chama os malineses a voltar pro Mali para construir a nova nação. Quando, em 1968, Modibo Keïta é retirado do poder, Boubacar Traoré para de tocar na radio e volta para Kayes aonde trabalha para sustentar seus filhos.
Todos achavam que o Kar Kar estava morto quando, surpresa, em 1987, Boubacar Traoré passa na TV malinesa e é a ressurreição: Kar Kar renasce para o publico! Ele grava então um cassete, Mariama, que um produtor inglês descobre e resolve produzir. E o primeiro álbum do Boubacar Traoré, o inicio de um sucesso internacional que perdura até hoje, entre discos e turnês na Europa, na África e na América do norte. Infelizmente essa alegria é acompanhada da perca da sua mulher amada, Pierrette, uma perca que ele canta em todos seus discos.
Porque Boubacar Traoré é isso, é a melancolia inspirada do dia dia, é o canto da tristeza, do amor, das dificuldades da vida etc… O blues do Kar Kar é universal, fora do tempo, inoxidável. Sua musica, de uma beleza infinita, é emocionante, simplesmente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s