Arquivo da categoria ‘Benim’

Angélique Kidjo vence mais um grammy Awards!

Publicado: 27 de janeiro de 2020 por Stephanie Malherbe em # África, Benim
Tags:, , ,

Resultado de imagem para angelique kidjo grammy awards

A diva do Benim e uma das maiores vozes do palco internacional da musica do continente africano venceu esse domingo mais um grammy awards, na categoria Best World Music Album. Com essa nova conquista, Angélique contabiliza agora quatro Grammy!

O premio recompensa seu álbum Célia, homenagem a grande cantora cubana Célia Cruz, falecida em 2003.

 

Angélique Kidjo lança novo album: Celia

Publicado: 10 de junho de 2019 por Stephanie Malherbe em # África, Benim
Tags:, ,

1 CUCALA3:19  2 LA VIDA ES UN CARNAVAL 4:33  3 SAHARA 4:37  4 BAILAYEMAYA 2:54  5 TOROMATA 4:30  6 ELEGUA 3:06  7 QUIMBARA 4:34  8 BEMBACOLORA 3:44  9 OYADIOSA 3:27  10 YEMAYA 1:37

A diva do Benim esta de volta com tributo a Célia Cruz, a rainha da musica cubana!

Angélique Kidjo está de volta com “Celia”, um álbum que presta tributo a Celia Cruz, conhecida como a “Rainha da Salsa” e uma das artistas latinas mais populares do século XX. Em “Celia”, Angélique explora as raízes africanas da música de Cruz e aborda de novas formas o repertório incrível da artista cubana, com sonoridades e ritmos de Cuba, África, Médio Oriente e América. O álbum inclui participações de Tony Allen, Meshell Ndegeocello e de Shabaka Hutchins com a banda Sons of Kemet.

Résultats de recherche d'images pour « collectif bénin international musical »

O coletivo Bénin International Musical – o BIM – nos leva numa imersão total na extraordinária efervescência criativa do Benim, antigo Dahomey.

Associando ritmos vodus, cantos tradicionais com musicas elétricas pimentadas e grooves modernos, o coletivo de artistas beninenses nos leva numa viagem as fontes beninesas de todas as musicas modernas.

Nascido 5 anos atrás sob a impulsão do produtor francês Jérome Ettinger, o nascimento do BIM é fruta de um casting gigantesca realizado com a ajuda dos beninenses Aristide Agondanou e Sergent Marcus em todo o território desse país onde a musica é omnipresente, fosse nos lugares de cultos vodus, nas igrejas evangélicas, nas discotecas, etc… O resultado é uma mistura original, sincrética.

Um disco é para ser lançado em breve….

Benin

Um programa Conexão África dedicado ao Benim,:

Trio Teriba1.jpg

Único grupo feminino do Benim, o Trio Teriba, composto pelas três irmãs de coração Carine, Zekiath e Tatiana encanta o Benim e o mundo com sua energia contagiosa. Bailarinas, cantoras e instrumentistas, as 3 irmãs ritmam sua musica pelos vários ritmos do seu pais, tendo como proposito artístico a valorização  do patrimônio musical do Benim (tchink ou tchinkoumé, massé..)

A música entrou muito cedo nas suas vidas, de maneira natural. As duas irmãs Carine e Tatiana descobriram suas vozes no coral da igreja, e depois nos concursos intercolegiais. A terceira, a irmã de coração, Zekiath, aprendeu na pensão católica, onde, apesar de ser muçulmana, ela tinha obrigação de participar do coral.

As três cresceram num ambiente misturado, entre tradição e modernidade, entre musicas yorubas, Fela Kuti, King Sunny Adé, o mítico Orchestre Polyrythmo de Cotonou, musica ritual beninesa, musica urbana e rumba…

Em 2002, o animador popular do programa Bénin Cadence (Atlantique FM) Serge Ologoudou convida o trio a cantar no aniversario do programa. Esse evento marcou o nascimento oficial do grupom de qual Serge se tornará o manager.

As três irmãs de coração se chamam de Teriba, que em língua Yoruba significa Humildade.

Se as tres irmãs são originarias do sul, elas pesquisam sem fim para valorizar a grande diversidade dos ritmos do Benim e dar espaço também aos ritmos do norte.

A música das irmãs Teriba, centrada na polifonia e na percussão, ultrapassou as fronteiras do Benim a partir de 2007, com a internacionalização do grupo que passou a participar de vários festivais pelo mundo. Recentemente, elas se apresentaram no festival de Montreux com a irmã mais velha, Angélique Kidjo, que inspira elas.

Humildade, paixão e originalidade, tres palavras que definem bem as “Amazonas do Benim”.

 

 

 

 

 

 

polyrythmo-madjafalao

Diretamente de Cotonou, descobrem o novo álbum do mítico TP Orchestre polyrythmo de Cotonou, Madjafalao. Um programa com muita musica e umas mensagens do Vincent Ahehehinou, cantor e líder do grupo! Promessa cumprida….

Polyrythmo Madjafalao.pngO Tout-Puissant Orchestre Polyrythmo esta de volta com um novo álbum, Madjafalao, que será lançado no dia 21 de outubro na Europa e uma turnê de lançamento entre outubro e novembro. Infelizmente ainda não tem turnê prevista no Brasil… apesar do imenso desejo do Orquestro de voltar pra cá… Vamos tentar movimentar essa vinda???

Madjafalao, o Polyrythmo fala da evolução da sociedade beninense e da complexidade das relações amorosas.

Para esperar até o lançamento do álbum (Vincent Ahehehinno, cantor e porte-voz do grupo, me prometeu mandar uma musicas, vamos torcer!!!… ), descobrem o novo clipe do TP Orchestre Polyrythmo de Cotonou, Madjafalo, muito bom!

Redescobrem também nossa entrevista exclusiva realizada em São Paulo em outubro 2015:

https://conexaoafrica.com/2015/10/02/programa-do-di-29-de-setembro-t-p-orchestre-polyrythmo-de-cotonou/

John Arcadius, amistura do jazz e do vodu

Publicado: 7 de janeiro de 2016 por Stephanie Malherbe em Benim
Tags:, ,

john arcadius.png

Encantador, o beninês John Arcadius é autor-compositor, cantor, musico e pioneiro de uma musica contemporânea sutil e poderosa, aliando tonalidades africanas ao jazz. Seu projeto atual, Vaudou-Mahi, valoriza a beleza singular dessa herança ancestral e a leva para os ouvidos do grande publico.

“Grand Prix” do Salão Internacional da Musica Africana 2015, ele já assinou 3 álbuns e participou de vários eventos internacionais como as Francofolies de Spa, as Francofolies de la Rochelle,  Francophonie em Bucareste, Couleurs Café em Bruxelas, a festa da musica em Paris, Voix de Fêtes em  Genebra, Jazz à Ouaga (Ouagadougou, Burkina Faso), Jazz Kiff em Kinshasa, Tunis Couleurs Jazz (Tunis, Tunisia), etc…

Esse artista feiticeiro nos leva num universo hipnotizante único.

 

Steph e Polyrythmo

Um programa dedicado ao mítico Tout Puissant Orchestre de Cotonou e ao seu vodou-funk:

E re-encontram aqui tambem a entrevista que o Polyrythmo nos concedeu o ano passado:

Programa do dia 29 de abril: bate-papo com o príncipe Abou

Publicado: 30 de abril de 2015 por Stephanie Malherbe em Benim
Tags:

Steph e prince Abou Conexão Africa

No programa gravado na quarta dia 29 de abril na radio Kaxinawa, 100.1 FM, recebemos o príncipe Abou, que vem do Benim para estudar no Brasil. Abou nos falou um pouco sobre seu país,  seus costumes, o culto de Ifa e o respeito dos anciãos…  E nos fez descobrir algumas musicas que ele gosta…. Sem falar de uma linda surpresa no final: