Posts com Tag ‘Fela Kuti’

Fela in the future

Com sensibilidade e profundo respeito pela natureza da musica de Fela Kuti, o rapper franco-marroquino Leeroy revisita o mestre do afrobeat com o album Fela in the future, um disco repleto de convidados de peso, como os próprios filhos do rei, Femi e Seun Kuti.

Leeroy conseguiu preservar a essência da dúzia de musicas escolhidas enquanto aproximava da sua cultura urbana.

O disco conta com pletora de convidados de peso. Alem de Seun e Femi Kuti, o rapper convidou a cantora nigeriana Nkena, a cantora Noraa (Alemanha/Chade), o sul-africano Nakhane ou ainda o franco nigeriano Féfé.

Fela Kuti

Na ocasião das comemorações do aniversario do Mestre Fela Kuti, pai do afrobeat e grande ativista politico, que acontecem no mundo inteiro no dia 15 de outubro, Conexão África consagrou um programa ao Fela:

Apresentação: Stéphanie Malherbe

Produção: Stéphanie Malherbe (Conexão Africa) e Bira Tomé (Radio Viva Rio)

Conexao Africa

A musica pode se tornar uma arma, uma arma não violenta mas que pode ser muito poderosa. Nosso programa Conexão África de hoje é dedicado a esses artistas que usam a musica para lutar, para militar, para passar mensagens. De Fela Kuti, o rei do afrobeat que foi o primeiro a dizer que a musica é uma arma, a Baloji, Wanlov The Kubolor, Seun Kuti ou ainda Smockey, um programa pan-africano ao encontro de alguns artistas ativos:

Fela Day in all the world!!!

Publicado: 15 de outubro de 2015 por stephanie100africa em Nigéria
Tags:, ,

Hoje, o rei do Afrobeat teria 77 anos, ocasião de muitas homenagens no mundo, a començar por Lagos, com a Felacelebration no mítico Shrine. E o Fela Day será comemorado tambem em varias cidades do Brasil!

Sexta 16 de outubro:

  • Rio de Janeiro, às 23h00, no Circo Voador, com Afrobeat Orquestra (foto), Aláfia e Festa Makula

Sabado 17 de outubro:

  • Salvador: a partir de 20 h00 no Largo Pedro Archanjo, no Pelourinho. pomovido por  IFÁ Afrobeat com varios convidados.
  • Olinda: às 21hs, no Xinxim da Baiana, com Abeokuta, Dirimbó, DJ Soma e Sasquat entre outros.

E muito mais!!!!!! Belo Horizonte, São Paulo, Curitiba, Porto Alegre, Niteroi, Aracaju…. Fela Day sera comemorado em varias cidades o Brasil esse fim de semana.

FELA forever!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Publicado: 15 de outubro de 2014 por stephanie100africa em Nigéria
Tags:, , , , ,

Hoje é dia de comemorar o grande mestre Fela Kuti:

Seun Kuti, a luta do Fela sempre viva!!!

Publicado: 28 de fevereiro de 2014 por stephanie100africa em Nigéria
Tags:, , , ,

seun kuti
Long Way to the beginning, terceiro álbum do Seun kuti, filho mais novo do mestre Fela Kuti, acabou de ser lançado. Um disco na pura tradição do Fela, tanto por seu puro Afrobeat que por sua temática: a independência da África. Sem falar da orquestra, o mítico Egypt 80, a orquestra do Fela, que acompanha agora Seun, depois de uma disputa muito grande com Femi, o filho mais velho, dono do Shrine e também excelente musico, apesar de se afastar um pouco as vezes do estilo paterno, tanto na sua vida pessoal que na sua musica.
Com a orquestra, o mesmo estilo, as mesmas temáticas, a mesma energia, o mesmo gosto pela maconha, Seun, filho de uma das 27 “rainhas” com quem Fela casou numa vez só, reivindica a 100% a herança do seu pai.
Criado na Republica de Kalakuta, aonde ele presenciou varias incursões policiais, Seun usa sua musica para incentivar seus contemporâneos a reivindicar uma independência verdadeira pelo continente africano.
Como tatuou nas suas costas quatro anos depois da morte do seu pai: “Fela lives” e realmente, através do Seun, o pai do Afrobeat e sua luta continuam vivos!!!


[Youtube=http://www.youtube.com/watch?v=8fGcf3GODKE#t=50]

Hoje tem: Anikulapo no morro da Conceição

Publicado: 23 de janeiro de 2014 por stephanie100africa em # África
Tags:, , , ,

Rajao

Não percam hoje, o bar galeria Imaculada, o mais badalado do momento, recebe a exposição Anikulapo com discotecagem do DJ Rajão, que é tambem o diretor e produtor da exposição e do documentario Anikulapo.

O afrobeat do grande Fela foi a fonte para todo o percurso transatlântico em que o documentário ANIKULAPO seguiu.

As fotografias traduzem memórias vivas da visita ao país de Fela onde foram captadas as muitas cores e movimentos do povo nigeriano, do AFROBEAT, do caos e calor dos cenários urbanos de Lagos.

O trabalho fotográfico realizado por Micael Hocherman contempla a atual reaproximação do Brasil com a África e surge em um momento rico de discussão e valorização da cultura e histórias resultantes da diáspora.

Os registros de ANIKULAPO na Nigéria reúnem as situações, olhares e vigor de uma cultura pulsante, um movimento musical vivo e uma realidade distante e ao mesmo tempo tão intrínseca nos nossos dias.

Direção e Produção: Pedro Rajão
Fotografia: Micael Hocherman
Concepção: Lais Monteiro, Micael Hocherman e Pedro Rajão

Teasers do documentário: