Posts com Tag ‘musica angolana’

20171112_141051

Um programa Conexão Africa excepcional dedicado a um dos maiores nomes da musica angolana da atualidade, Paulo Flores, que tivemos a imensa alegria de entrevistar durante sua vinda ao Rio na ocasião do MIMO. Ele ainda falou dos seus dois últimos discos, Bolo de aniversario (2016) e Kandongueiro Voador (lançado em 2017 somente em Angola), de quais Conexão Africa apresentou alguns trechos.

Apresentação: Stéphanie Malherbe
Produção: Stéphanie Malherbe e Ubiracy Tomé
Agradecimento especial ao Ricardo Vilas que filmou a entrevista e tirou a foto.

Steph Amanda Ruy Mingas

Foto: Bira/Radio Viva Rio

O programa Conexão África em parceria com a radio Viva Rio recebe a pesquisadora e parceira do Conexão África Amanda Palomo Alves para homenagear um dos grandes nomes da canção de protesto em Angola, Ruy Mingas:

Apresentação: Stéphanie e Amanda

Produção: Stéphanie/Conexão África e Bira/Viva Rio

 

Canto da sereia

Nosso primeiro programa Conexão África realizado, editado e transmitido na Radio Viva Rio esta dedicado ao trabalho da dupla Filipe Zau-Filipe Mukenga, Canto Segundo da Sereia:

20170709_165639.jpg

Um programa dedicado a uma lenda da musica angolana, Mario Matadidi:

banda maravilha_n

Para nossa estreia da pareceria Conexão África com Voz do Migrante na Radio Viva Rio, levo vocês para Luanda com a Banda Maravilha!

Produção: Bob Selassié e Stephanie Malherbe

Agradescimentos especiais ao Bob Selassié, ao Bira, ao Marito Furtado e a Banda Maravilha!

24 anos da Banda Maravilha

Publicado: 14 de julho de 2017 por stephanie100africa em # África, Angola
Tags:, , , ,

24 anos Banda Maravilha_n

Imperdível: A Banda Maravilha, os embaixadores do Semba, comemora seus 24 anos de carreira hoje no Mar do Guincho, em Luanda!!!

Estava là semana passada e é uma maravilha mesmo!

Aproveito ja para informar que nosso próximo programa Conexão África será dedicado a Banda Maravilha!!!!

Steph e Amanda

No programa gravado nesta quintaFeira dia 7 de julho, recebo a pesquisadora Amanda Palomo, que fez seu doutorado sobre musicas urbanas angolanas entre as décadas 40 e 70. Um momento histórico muito importante em Angola, de guerra anticolonial e, ja no final, inicio do governo do MPLA, onde a musica e os músicos tiveram um importante papel politico. E nessa viagem que Amanda nos leva, com muita musica e muitas historias: